Trepa Muleke – 25

Inspirados pelo Congresso do Partido Comunista Chinês, a reunião política mais importante da nação que vai capitanear a humanidade nos próximos anos, o Trepa 25 ouviu Tang Dynasty e SMZB, duas bandas de peso no cenário musical asiático. E falamos dos próximos desafios do comunismo chinês, o sistema que regula a economia mundial e coloca algum senso no tresloucado financismo exploratório ocidental. Quais os planos dos orientais para os próximos anos? Em termos de direitos e salários Já está valendo mais trabalhar na indústria chinesa do que na brasileira? E a internet chinesa? É autônoma e preparada para ser independente da tal dita rede mundial? Teria sido a sino-internet menos um erro do que a anglo-saxã? Só o tempo dirá quem foi melhor. Regra que vale também para a diferença de investimento no Aécio e no Gabigol. 200 milhões é o que dizem que o Temer sinalizou em emendas para salvar o mineirinho. É o país do grampo! O país em que o celular do presidente vaza, ele atende, dá uma da gagá e tá tudo de boa. E em que o humorista que se pretende mais contestador é o que mais apela para a multidão reaça (aff, falamos dele mesmo?). Pra finalizar temos grandes spoilers sobre o grande #dropstrepa futebol feminino. Drops sensacional, programa bacanudo.

 

http://epocanegocios.globo.com/Economia/noticia/2017/02/salario-medio-de-setor-industrial-na-china-ja-supera-o-do-brasil.html

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *