Trepa Muleke – 29

Trepa Muleke – 29
episódios

 
 
00:00 / 1:21:08
 
1X
 

Here comes the sun, tchup, tchura… Num final de tarde ensolarado na região norte de Campinas temos um Trepa gravado ao vivaço com quatro de seus membros presentes e um parceirão na platéia. Eis que nosso trepa oculto, Tiago C. Soares, nos brinda com sua fisicalidade não virtual nem telemática e se junta à mesa nos estúdios Concerto Barroco. Falamos de eleições, é claro, e da formulação de propostas auntônomas e autóctones para o panorama das cibercoisas brasileiras. Inebriados pelo som de punk surf music mexicanas e brasileiras, debatemos a elegante candidatura de Manuela D’Avila e o protagonismo do comunismo no contexto global. Falamos da possível desistência do marido da Angélica, Luciano Huck, e do efeito bomba de sua candidatura fantasma no grupo isentão-moderado de interjeição ansiosa Agora! Politicamente entramos em assuntos futebolísticos para fala das roubalheiras corruptas na parceria Fifa-Globo e televisões do mundo todo. E tecnologicamente nos debruçamos no uso de drones como  próximo passo evolutivo da singularidade do olheiro-robô resumido pela atemporal frase de Ranato Gaúcho: o mundo é dos espertos. Como atender pedidos de ouvintes por comentários é um de nossos maiores prazeres, comentamos o começo da morte da web em 2014 e como Google e Facebook tem influência direta em mais de 70% dos dados que circulam hoje. Saudamos então a União Européia, que está apertando sua regulação sobre as grandes empresas da web, e lembramos o envolvimento trepístico nos projetos de lei municipais de dados pessoais que começam a pipocar pelo Brasil.

 

http://www1.folha.uol.com.br/poder/2017/11/1936692-nao-se-combate-o-crime-com-jargao-de-internet-diz-manuela-davila.shtml

 

https://staltz.com/the-web-began-dying-in-2014-heres-how.html

 

 

PL de proteção a dados pessoais une PSDB, PSD, PT e PSOL em São Paulo

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *